Na hora certa!

Notícias atualizadas do Brasil, Portugal, Itália, Alemanha, Reino Unido e Irlanda

Não perca a chance! Clique na imagem do Curso de Italiano!

Alimentos e bebidas - Curso HACCP

Conhecer, conservar, transformar e cozinhar os alimentos da maneira correta, em conformidade com o APPCC (HACCP).

Intro

  • Sesma faz teste rápido gratuito de Covid-19 na população de Outeiro
    on julho 15, 2020 at 12:34 am

    Atendimento de Monitoramento da Covid-19 disponibilizou 120 vagas diária para Outeiro até 26 de julho. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) iniciou a testagem rápida para a Covid-19 no distrito de Outeiro, em Belém. No total, 55 pessoas compareceram na Fundação Centro de Referência em Educação Ambiental “Escola Bosque” Professor Eidorfe Moreira, no primeiro dia de atendimento. A ação tem parceria com o Centro Universitário do Pará (Cesupa). O balanço de primeiro dia da ação foi divulgado nesta terça-feira (14). Para participar basta acessar aqui, preencher os dados solicitados tendo em mãos documento de identificação (RG ou CPF e comprovante de residência) e selecionar o agendamento para uma Unidade Básica de Saúde. É necessário ter idade igual ou superior a 15 anos e ser residente em Belém. O resultado pode ser negativo (Não Reagente IgG/IgM), que indica que a pessoa não está infectado ou não desenvolveu os anticorpos; (IgM), que indica que a infecção recente da Covid-19 está na fase ativa da doença; (IgM/IgG), que indica que está imune há pelo menos sete dias desde o contágio ou (IgG), que significa que o organismo já teve contato com o vírus e não está mais contaminado, podendo realizar suas atividades de rotina. O atendimento de voluntários para a pesquisa de Monitoramento da Covid-19 disponibilizou 120 vagas diária para Outeiro entre os dias 13 a 26 de julho, subdivididas em 60 vagas pela manhã das 8h às 11h e 60 vagas no horário da tarde das 14h às 17h.

  • Semob abre cassação contra empresa que opera as linhas Pedreira-Condor e Pedreira-Felipe Patroni
    on julho 14, 2020 at 11:50 pm

    Empresa paralisou serviços desde 30 de junho por questões trabalhistas. A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) deu início a um Processo Administrativo de Cassação das Ordens de Serviço da empresa Vialuz, que opera no sistema de transporte público de Belém as linhas Pedreira-Condor e Pedreira-Felipe Patroni. As informações foram confirmadas nesta terça-feira (14). Segundo a Semob, "o procedimento se faz necessário em virtude do fato que a empresa, por não apresentar condições financeiras e técnico-operacionais, não tem conseguido honrar seu compromisso na retomada das linhas interrompidas desde o dia 30 de junho, deixando os usuários desassistidos". O G1 tenta contato com a empresa e com a Setransbel. Segundo a Semob, a empresa Vialuz teve seu serviço paralisado desde o final de junho por questões trabalhistas, e foi notificada a retomar as atividades imediatamente, sob risco de ser penalizada administrativamente pela interrupção. Vistorias feitas pelo órgão também vinham apontado que a respectiva frota não apresentava mais condições de trafegabilidade, e três veículos da empresa estão recolhidos no pátio de retenção da Semob por este motivo. Na oportunidade, a empresa solicitou um prazo para regularizar o serviço e a qualidade da frota, mas não conseguiu retomar a operação, e, com isso, foi aberto o Processo Administrativo. Segundo a Semob, está em negociação que as linhas Pedreira-Condor e Pedreira-Felipe Patroni voltem a operação regular até a próxima semana, por meio de contrato com uma nova empresa de transportes.

  • VÍDEOS: JL2 desta terça-feira, 14 de julho de 2020
    on julho 14, 2020 at 10:48 pm

    Confira as principais notícias do Pará. Confira as principais notícias do Pará.

  • Pará registra mais 2.264 casos e 19 mortes de Covid-19; estado chega a 130.834 casos e 5.337 óbitos
    on julho 14, 2020 at 10:29 pm

    São mais 180 novos casos de Covid-19 e 14 óbitos cadastrados hoje e que ocorreram nos últimos sete dias. A Secretaria de Saúde do Pará (Sespa) confirmou nesta terça-feira (14) mais 2.264 casos e 19 mortes de Covi-19. Agora são 130.834 casos e 5.337 óbitos no Pará. São 122 novos casos de Covid-19 e 14 óbitos cadastrados hoje e que ocorreram nos últimos sete dias.Também foram divulgados 2.084 casos e 5 óbitos de dias anteriores. Quatro casos são desta segunda, nos municípios de Portel, São Sebastião da Boa Vista, Marapanim e Anapu. Uma morte desta segunda é de Belém. De acordo com os dados da Sespa, o estado também registra 115.757 recuperados; 117 casos em análise e 11.535 casos descartados. Leitos O Pará registra nesta segunda ocupação de 35,46% dos leitos clínicos e 54,13% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Boletim Covid-19 14 de julho Reprodução / Sespa

  • Sobrecarga e falta de manutenção causaram desabamento em restaurante no Combu, diz perícia
    on julho 14, 2020 at 10:14 pm

    Peritos criminais analisaram o local do desabamento nesta terça, 14, e encontraram problemas estruturais. Peritos vistoriam restaurante que teve parte desabada na ilha do Combu, em Belém Reprodução / Agência Pará Peritos criminais do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) analisaram a estrutura de um restaurante na ilha do Combu, em Belém, que desabou no último domingo (12). Ao todo, seis pessoas ficaram feridas. Segundo a perícia, problemas estruturais, sobrecarga e falta de manutenção causaram o desabamento. A análise foi conduzida pelo Núcleo de Engenharia Aplicada (NEA), do Instituto de Criminalística (IC), a pedido da Delegacia de Polícia Fluvial (DPFLU), da Polícia Civil (PC), que investiga o caso. Segundo a perícia, a estrutura do piso do restaurante é disposta em pernas-mancas e apresentava desgastes em função da ação do tempo. “Algumas peças que recebiam o assoalho estavam apodrecidas, assim como parte das tábuas”, disse o perito Edilson Teixeira. A sobrecarga, ainda segundo a perícia, ocasionada pela quantidade de pessoas que estavam sobre a parte do assoalho foi determinante para o desabamento. “As informações que temos é que seriam 17 pessoas que estavam em cima dessa parte do assoalho. Estimamos que seria quase 1 tonelada, se o peso médio de cada pessoa fosse 70 kg, numa estrutura que já estava comprometida”, afirma o perito criminal Stélio dos Santos. Outras partes da estrutura apresentavam os mesmos problemas, indicando falta de manutenção. As notificações devem ser inseridas em laudo técnico, que sai em 10 dias e repassado à Polícia. De acordo com o delegado Luís Carlos Barros, o laudo definitivo deve ajudar na conclusão do inquérito e, partir dele, é possível definir o grau de culpabilidade dos proprietários. A Defesa Civil Municipal também fez vistorias no local. De acordo com a Defesa, o restaurante tem alvará e seguia todos as regras de funcionamento. Já a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) informou que o proprietário foi autuado, com a realização de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), por não possuir alvará de funcionamento e por provocar lesão corporal. Piso quebrado em restaurante na ilha do Combu Brenno Rayol/ TV Liberal

  • PM prende dupla suspeita de furtar loja e homem que comprou os produtos em Santana do Araguaia, no PA
    on julho 14, 2020 at 8:37 pm

    Trio foi flagrado com objetos furtados de uma loja de materiais de construção. PM recupera produtos furtados de loja de materiais de construção em Santana do Araguaia, no Pará. Reprodução / PM Dois homens foram presos por furto e um por receptação em Santana do Araguaia, sudeste do Pará, segundo informações divulgadas pela Polícia Militar nesta terça (14). O trio foi flagrado por policiais da 30ª Companhia Independente de PM (30ºCIPM) e Rondas com Apoio de Motocicletas (Rocam) na segunda, com objetos furtados de uma loja de materiais de construção. Segundo a PM, houve uma denúncia de que um estabelecimento havia sido arrombado na Vila Mandi, zona rural da cidade, e que vários objetos, além de uma quantia em dinheiro, tinham sido levados. As buscas iniciaram e os policias conseguiram localizar os suspeitos. Os dois presos pelo furto confessaram o crime. Na casa de um deles, os policiais encontraram duas bombas de lavagem, um soprador mecânico, duas baterias automotivas e uma bomba hidráulica interna. Em seguida, o terceiro homem foi preso suspeito de comprar parte dos objetos furtados. Ele também foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil de Santana do Araguaia. Uma caminhonete, que deu apoio à ação, foi reconhecida nas filmagens e foi apreendida. Caminhonete que deu apoio à ação de furto foi apreendida pela PM em Santana do Araguaia, no Pará. Reprodução / PM

  • Sem poder trabalhar, vendedores ambulantes do Portal da Amazônia protestam em Belém
    on julho 14, 2020 at 8:01 pm

    Manifestantes cobram soluções da prefeitura de Belém. Cerca de 120 vendedores ambulantes protestaram em frente à sede da Secretaria Municipal de Economia (Secon), localizada na av. Nazaré, em Belém, na tarde desta terça-feira (14). Os manifestantes reclamam da proibição de vendas no Portal da Amazônia devido à pandemia de Covid-19. No local somente está liberada a circulação de veículos oficiais, entrada de moradores da área e ônibus. Os vendedores dizem, ainda, que estão sofrendo sem poder trabalhar e cobram alguma solução da prefeitura de Belém. "A retomada chegou para uns, mas não pra gente que precisa desse trabalho para sobreviver", disse um dos manifestantes que não quis se identificar. A Polícia Militar acompanhou o protesto, que foi pacífico. O G1 solicitou nota da Secon e aguarda retorno. Portal da Amazônia bloqueado Reprodução/Agência Belém



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *