Na hora certa!

Notícias atualizadas do Brasil, Portugal, Itália, Alemanha, Reino Unido e Irlanda

Intro

  • Revogação de decreto torna processo de regularização fundiária mais barato
    on novembro 12, 2019 at 11:00 am

    O Governo do Estado de Mato Grosso publicou no Diário Oficial que circulou nesta sexta-feira (8), o decreto nº 294/2019, que regulamenta o cálculo do valor da pauta da terra aos processos novos e andamento no Intermat e revoga o decreto nº 31, de 14 de fevereiro de 2019. O deputado Xuxu Dal Molin (PSC/MT), que participou das discussões do Grupo de Trabalho na Assembléia Legislativa, como vice-presidente da Comissão de Agropecuária, Desenvolvimento Florestal e Agrário e Regularização Fundiária, comemorou o ato do executivo e ressaltou que o decreto resgata o espírito original da lei, permitindo melhor operacionalização e simplificação da atuação do Estado no processo de Regularização Fundiária e atualizando o valor de acordo com o IGP-M. "Nas áreas correspondentes à reserva legal da propriedade rural será cobrado apenas o Valor Básico do Município. O Brasil é único país em que se cobra do proprietário da terra para manter uma área de reserva. Em outros países as pessoas é que recebem por isso", disse Xuxu Dal Molin. Dal Molin explica ainda que o decreto anterior optou pela cobrança da área total, mudando a metodologia de cálculo completamente "Com isso dobrava o valor da Área na Regularização", frisou. O novo decreto também ajustará, desde que haja requerimento do interessado, o valor das parcelas a vencer ou parcelamentos em aberto. "Será feito um enquadramento de acordo o novo decreto", informou o parlamentar ressaltando o trabalho do Intermat. O parlamentar ressalta que a decisão do Executivo foi acertada, "pois Mato Grosso vai ganhar muito, visto que mudanças para ampliar a arrecadação e segurança jurídica são impossíveis sem a Regularização Fundiária". Só estávamos aguardando a revogação do Decreto nº 31 para darmos o segundo passo nessa missão, que é apresentar a proposta de um novo Código de Terra em Mato Grosso com o intuito de simplificar e desburocratizar a atuação do Estado no processo de Regularização Fundiária e levar segurança jurídica e acesso ao c...

  • Mais de 30 alunos indígenas se formam no curso de gestão de negócios em MT
    on novembro 12, 2019 at 10:00 am

    Líderes e representantes de associações e cooperativas indígenas de aldeias na região de Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá concluíram o curso de gestão de negócios. Ao todo, 34 índios participaram o curso oferecido pelo Instituto Federal de Mato Grosso. A formação teve duração de quatro meses.Os índios participaram do curso com objetivo de melhorar a gestão dos negócios e produção dentro das aldeias. Segundo a formanda Valdineia Zonozokaeroce, o curso foi muito importante para a formação das lideranças e ajudará as comunidades a desenvolver e melhorar da gestão do que já é produzido nas aldeias. “Nós buscamos aprender para gerar melhoria para nosso povo em algumas áreas. Alguns de nós trabalham com turismo, por exemplo. Outros são agricultores. Então, queremos melhorar nosso potencial”, disse. Ela conta ainda que pretende se aprofundar na área de gestão para trabalhar e assim, pode ensinar aos índios que não puderam participar do curso. Dessa forma, poder contribuir mais com seu povo. De acordo com o diretor do IFMT, Gilcélio Luiz Peres, a formação dos indígenas é muito importante para o desenvolvimento da região. “Nossos indígenas produzem muita coisa e é preciso se aperfeiçoar através de suas cooperativas para fazer uma melhor gestão dos seus negócios. Nós ficamos muito felizes porque a gente cumpre, dessa forma, o nosso papel: formar as pessoas pra vida e para o trabalho”, afirmou.     Mais de 30 alunos indígenas se formam no curso de gestão de negócios em MT ...

  • Prefeito de Rondonópolis é multado por publicar relatórios fora do prazo
    on novembro 12, 2019 at 9:00 am

    O prefeito de Rondonópolis, José Carlos Junqueira de Araújo, foi multado em 20 UPFs em razão de ter publicado, fora do prazo determinado, os Relatórios Resumidos de Execução Orçamentária de 2018. Tantos os três relatórios quadrimestrais quanto os seis bimestrais foram publicados após 30 dias do prazo encerrado. A penalidade foi aplicada no julgamento de Representação de Natureza Interna (Processo nº 138240/2019), na sessão extraordinária do Pleno do Tribunal de Contas de 07/11. Relator do processo, o conselheiro interino Luiz Henrique Lima determinou à atual gestão da Prefeitura Municipal de Rondonópolis que observe o disposto nos artigos 9º, §4º, 48, 52 e 55, § 2º da LRF, quando do cumprimento do princípio da transparência nas contas públicas, inclusive quanto à realização das audiências públicas. Diferentemente da equipe técnica, o conselheiro relator considerou que a referida irregularidade ficou caracterizada. "Entretanto, entendo razoável a não aplicação de sanção pecuniária, considerando as atas acostadas aos autos", concluiu o conselheiro. O voto foi acompanhado pela unanimidade do colegiado.   Prefeito de Rondonópolis é multado por publicar relatórios fora do prazo ...

  • Corpo de atriz pornô é encontrado em bloco de concreto
    on novembro 12, 2019 at 8:00 am

    Rep. Instagram   O corpo da atriz e influencer mexicana Esmeralda Gonzalez foi encontrado dentro de um bloco de concreto no deserto de Las Vegas. A informação foi divulgado pelo site da revista People. Segundo a publicação, a celebridade virtual estava desaparecida desde maio e homem apontado pelas autoridades norte-americanas como o responsável pelo crime negou as acusações feitas contra ele. As autoridades divulgaram imagens do bloco de concreto no qual o corpo de Gonzalez foi encontrado, assim como uma foto do homem detido como suspeito pelo crime, mas que nega seu envolvimento no ocorrido. Segundo a imprensa internacional, Christopher Prestipino foi acusado de sequestro, assassinato e conspiração pelas autoridades ao ser apontado como o responsável pelo crime. No entanto, ele negou as acusações ao comparecer em uma corte do estado de Nevada responsável pelo julgamento do caso. De acordo com os relatos vindos dos Estados Unidos, Gonzalez estava desaparecida desde maio e o corpo dela foi encontrado em outubro, mas só agora a identidade de seus restos mortais foi confirmada. As autoridades contam que as mãos de Gonzalez estavam amarradas e havia fitas brancas ao redor da cabeça e do pescoço dela. O corpo estava também envolto por lençóis e dentro de um galão de água em meio a madeira e concreto. Gonzalez tinha 25 anos quando desapareceu. Além de administrar uma conta pessoal no Instagram com mais de 300 mil seguidores, ela também trabalhava como atriz, tendo estrelado algumas produções pornográficas. Os exames feitos no corpo da influenciadora apontam que ela teria sido morta por estrangulamento ou por alguma substância venenosa. Posteriormente, o assassino tentou esconder o corpo com o auxílio da namorada e de uma vizinha. As autoridades ainda não tem pistas das motivações por trás do crime.   EM DESERTO Corpo de atriz pornô é encontrado em bloco de concreto Corpo de atriz pornô é encontrado concretado ...

  • MC Gui: “Não tenho condição de subir ao palco”
    on novembro 12, 2019 at 7:00 am

    Reprod   MC Gui falou, em entrevista a Leo Dias, do UOL, pela primeira vez após polêmica de bullying contra uma garota em um parque da Disney, nos Estados Unidos. Na conversa com o jornalista, o funkeiro admite que errou ao expor e fazer chacota com a menina nas redes sociais. “Fui um moleque. Um imbecil”, disse. De acordo com o cantor, ele cometeu vários erros após a publicação do vídeo. “Encontramos essa família fantasiada de personagens de filme da Disney. Foi quando eu cometi o meu primeiro erro. Peguei meu telefone e comecei a gravar essas pessoas que eu não conhecia. E o segundo erro foi o momento que eu dei risada no vídeo. Eu e meus amigos acabamos dando risada de algo que não devíamos ter dado”, afirmou. Ao ser questionado se a risada foi algo infantil, Gui concorda. “Só depois parei para analisar que, às vezes, o que é [motivo de piada] para mim não é para os outros. Eu me senti constrangido no lugar dela [da menina]. Poucos minutos depois, comecei a receber muitas críticas. Acabei voltando no vídeo e me toquei”, diz, apesar de ter ido às redes sociais e publicado um outro vídeo, se justificando. E ele reconhece que não soube ver, no momento, o erro que havia cometido. “Eu tentei me justificar. E foi o meu terceiro erro, porque aquilo não tem justificativa. Não tem explicação. Comecei a receber muitas críticas e apaguei todos os vídeos. Deveria, naquela hora, ter mostrado o que eu sinto hoje, o que eu senti todos os dias de lá para cá: um profundo arrependimento, uma profunda tristeza”, revela. MC Gui diz que se arrependeu e que aprendeu com o erro. O rapaz conta que tentou contato com a garota e a família dela, mas não conseguiu encontra-los. E revela que agora tenta mudar. “Nós estamos procurando ONGs especializadas em alguns assuntos, em bullying. Às vezes uma brincadeira de mau gosto é o que começa isso. São coisas que acontecem diariamente”, conta. Apesar de ter sido muito critic...

  • Gretchen é criticada por usar roupas curtas
    on novembro 12, 2019 at 6:00 am

    Rep. Instagram   Aos 60 anos, Gretchen segue melhor do que nunca e com a autoestima no máximo, mas parece que a dançarina está recebendo diversos comentários machistas por conta do tipo de roupa que gosta de usar. “Pois é, meu povo brasileiro! Enfim, quero falar com essas mulheres que estão assim, cheias de recalque, porque eu uso shortinho, porque eu uso minissaia. Só quero avisar uma coisa pra vocês, meus amores: eu sempre vou usar shorts, minissaias, o que eu quiser. Sabe por quê? Porque quem paga as minhas roupas sou eu, meu amor! Então, posso ter 70, 80, 90, 100 anos, vou usar aquilo que eu quiser“, começou Gretchen. “Só teve uma pessoa que me proibiu de usar minissaia e era meu pai. Quando eu tinha 11 anos, ele disse pra mim: ‘enquanto eu te sustentar, você vai usar o que eu quero. Quando você tiver seu dinheiro, você compra a roupa que você quiser. Aí eu fui dar aula de violão e comprei a minha minissaia com o meu dinheiro a partir desses dia”, continuou. “Então, a partir desse dia, eu pago as minhas roupas e uso o que eu quero! Entenderam, recalcadas?! Vou continuar, sim, mostrando as minhas pernas o quanto eu quiser” finalizou ela.   "RECALCADAS" Gretchen é criticada por usar roupas curtas Gretchen é criticada por usar roupas curtas ...



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *